Seguidores

terça-feira, 13 de novembro de 2012

só o sol me faz falta




árvores verdes, céu azul,
pássaros,
canticos melodiosos...
ecos da minha infância distante
sonhos, anseios, esperanças,
gorgeios nas minhas lembranças,
nesta tarde já quase parda
e a noite que aí não tarda...

tanta coisa que o coração recolhia
tudo lembrei, nesta tarde
que esfria...
tanto sonho,
neste céu distante,
tanta paz, tanta tempestade
que em mim incendeia e apaga,
que traz saudade...
a esta memória que já se alaga.

infinita esta saudade
neste sonho resignado,
neste silêncio dos campos
nesta moldura sombria...

do meu olhar marejado,
desaparece o dia!

e esta tristeza que tudo atravessa...
sentimentos de dor e prazer,

a vida é carta por escrever
que aguardo receber...

natalia nuno
rosafogo
imagem da net

S. Pedro do Sul, 28/09/2012

2 comentários:

manuel marques Arroz disse...

Que seja breve essa carta.

Beijo.

Natalia Nuno disse...

Grata Manuel pela visita.

Beijinho boa semana.