Seguidores

sexta-feira, 31 de março de 2017

pincelei meu dia...




dei uma pincelada neste dia cinzento
ficou o céu com um ar rejuvenescido
subjacente à minha intenção ficou um sentimento
o da saudade que faz em mim ruído
os dias são desertos e se sucedem
neles mil incertezas me assaltam
eclodem do pensamento palavras que medem
a solidão antecipada dos dias que me faltam,
hoje trago os olhos queimados de poesia
no coração trago uvas ao sol com doçura
pincelei assim este meu dia
e deixo-me num mar de luz e de loucura

entranço o meu vôo no arco-íris
e o aroma da vida em meu ventre avança
e em plena aurora, chega a hora da mudança

separo-me do obscuro que me percorre
e o dia enche de ar e jasmim a minha boca
arrebatada me agarro à esperança que não morre
e aproximo-me do teu corpo como louca
neste dia cinzento dei uma pincelada
e jovem corro em plenitude e alvoroço
nas asas  dum sonho que arde
não deixo a indolência tome conta de mim
pois que para sonhar nunca é tarde...

natalia nuno
rosafogo









Sem comentários: