Seguidores

domingo, 28 de outubro de 2012

ARTE DE SER POETA



 Nenhum de nós é Deus!

Cada um tem atributos só seus.

Tacteamos à procura

da arte que Ele nos deu

com ternura.

 

O dom de escrever é como um talismã

que se traz no coração ao nascer…

E é tão grande a magia… que do Poeta,

nasce a poesia.

Quando chega a inspiração

é como lampadário que se acende,

o Poeta escreve o que só ele entende!

 

E a beleza da sua arte

Se espalha por toda a parte.


 

 

Folhas caídas...pseudónimo
com que concorri ao concurso Dracca de Palmela
1º POEMA, SOBRE A ARTE

natalia nuno
rosafogo

 

 

 

 

Sem comentários: